Terapias

TRATAMENTO COM IODO-131

O Serviço de Terapia do IMEN é coordenado pelo Dr Neimar Alexandre Lolli, médico nuclear com mais de uma década de experiência em terapias com radiofármacos. As doses utilizadas neste serviço seguem os preceitos da ATA (American Thyroid Association), mais precisamente as diretrizes publicadas em 2015* e o posicionamento oficial da Sociedade Brasileira de Medicina Nuclear perante tais diretrizes**. 

Neste procedimento é utilizado o iodo-131, molécula que emite radiação e ataca as células do câncer de tireoide, destruindo-as. Eventualmente há necessidade de internação para monitoramento da dose de radiação nos pacientes.

Os sintomas mais comuns são : queimação no estomago, náuseas, sensação de dor no pescoço, boca seca e perda transitória do paladar, etc O paciente recebera orientações pormenorizadas na sua consulta e durante a internação, para redução dos efeitos colaterais.

O iodo radioativo é administrado em forma líquida ou cápsula, por via oral, concentra-se nas células de câncer de tireoide e também em outros tecidos (glândulas salivares e no estômago), é eliminado principalmente pela urina e suor. O iodo-131 emite radiação do tipo Beta, que é o tipo de radiação usada no tratamento.

Quando o iodo radioativo for ingerido, haverá radiação  terapêutica no seu organismo, que agirá sobre os tecidos a serem tratados. Com o passar do tempo, o nível de radiação vai diminuindo de acordo com o decaimento do iodo radioativo e, ainda mais rapidamente, com a ingestão de líquidos (85% da dose ingerida é elimida em 24hs se a ingesta de água for superior a 2,5litros por dia).

Ocasionalmente pode ocorrer inchaço e/ou dor nas regiões laterais da face (região das glândulas salivares) e alteração temporária do paladar, decorrente de inflamação transitória das glândulas salivares e que pode ser evitada e tratada através da estimulação à salivação com água com limão( fazendo gargarejos) e com anti-inflamatórios,se necessário.

* Fonte: http://www.thyroid.org/professionals/ata-professional-guidelines/  

**Fonte: http://sbmn.org.br/noticia/entidade-se-posiciona-frente-o-manejo-de-pacientes-adultos-com-nodulos-tireoidianos-e-cancer-diferenciado-da-tireoide/